Veja agora como aproveitar ao máximo a creatina

A Men’s Health simplifica o “mundo da creatina” em apenas 60 segundos!

Quando se começa a treinar mais a sério e se pretende começar a mudar o corpo e juntar alguns gramas de músculo, um dos termos que mais se ouve falar pelas salas de treino é… creatina! Depois apercebe-se que existem dúzias de mitos ao seu redor.

O que é a creatina?
É uma combinação de amino-ácidos produzidos pelo fígado, rins e pâncreas. Não é um esteroide e podemos encontrá-lo naturalmente em carne vermelha e peixe, embora em muito menores quantidades do que aquelas que estão presentes em batidos ou comprimidos que poderá comprar em lojas especializadas.

Como é que funciona?

A creatina reduz a sensação de fadiga ao transportar energia para as suas células. Se tiver mais níveis de creatina – que vai ter, caso tomar um suplemento – conseguirá trabalhar mais e melhor. Por exemplo, poderá fazer 8 repetições em vez de 6. A médio prazo, isto fomentará um aumento de massa muscular, mais força e mais resistência.

Mas para acabar com todas as dúvidas, conheça os mitos e as verdades sobre a creatina:
A creatina é similar aos esteroides – mito.
A creatina ajuda ao aumento muscular sem ir ao ginásio – mito.
A creatina pode causar problemas gastrointestinais – verdade, mas em casos raros.
A creatina vai ajudá-lo a correr mais depressa 5 km – mito.
A creatina causa aumento de peso – verdade.
A creatina não funciona com todas as pessoas – verdade.
Os consumidores de creatina vão perder músculo se deixarem de tomar o suplemento – mito.
Não devia abusar da creatina – verdade.

  • Show Comments

ARTIGOS RELACIONADOS


OUTROS CONTEÚDOS GMG


Send this to friend