Foi publicado o primeiro estudo que prova que esta refeição matinal influencia o metabolismo e ajuda a perder calorias, contribuindo ainda para controlar a glucose do sangue.

Já todos sabemos que o pequeno-almoço é realmente importante. Contudo, agora foi publicado o primeiro estudo que prova que esta refeição matinal influencia o metabolismo e ajuda a perder calorias, contribuindo ainda para controlar a glucose do sangue.

Investigadores da universidade de Bath, no Reino Unido, realizaram o primeiro estudo aleatório para confirmar o efeito que o consumo regular do pequeno-almoço pode ter no corpo humano, em comparação com as pessoas que ficam em jejum durante a manhã.

Ao longo de três anos, a equipa da Universidade de Bath analisou várias pessoas, selecionadas de forma aleatória, com idades entre os 21 e os 60 anos. Alguns dos participantes tinham que fazer jejum até ao meio-dia durante seis semanas. Outros elementos comprometiam-se a tomar diariamente um pequeno-almoço de, pelo menos, 700 calorias durante o mesmo período de tempo.

Os investigadores verificaram que os participantes que faziam jejum acabavam por gastar menos 20 por cento de energia (calorias) sendo que as pessoas que tomava pequeno-almoço não compensavam a energia extra despendida comendo mais.

O estudo registou também interessantes resultados ao nível do metabolismo. Recorrendo a biopsias dos participantes e aos dados dos monitores portáteis, os investigadores mediram a resposta do organismo à ingestão de açúcares e verificaram que, entre os participantes que tomavam pequeno-almoço, os níveis de glucose do sangue estavam mais controlados.

ARTIGOS RELACIONADOS


OUTROS CONTEÚDOS GMG


Send this to friend